Todas as leituras possíveis. Formatos e aparência

Autor:  Mª Amor Pérez-Rodríguez Tradução: Mirelle S. Freitas

A edição de revistas científicas em formato digital multiplica as possibilidades de leitura, difusão e vizibilização das mesmas e, consequentemente, dos trabalhos que são publicados nelas. Junto ao cuidado com a qualidade de conteúdos, formatos, apresentação e e promoção são aspectos básicos para que uma publicação científica aumente sua visibilidade e impacto.Apostar pela edição em formato digital, EPUBalém de agilizar e sistematizar todo o processo editorial, oferecendo um formato amigável e acessível, permite que a revista seja conhecida e adquira relevância. Por todo isso, é muito importante facilitar mais modos de leitura.

Comunicar apostou na versatilidade que oferecem as tecnologias emergentes e sua digitalização, tanto na questão editorial quanto na difusão. Desta forma, potencializa-se o ajuste dos  formatos em consonância com os novos modos de leitura e comunicação proporcionados pela web, a incorporação da plataforma OJS3 para a gestão editorial e o processo de difusão mediante o uso estratégico das redes sociais. A apresentação e a disposição dos conteúdos é facilidade nos múltiplos formatos digitais (ePub, issue, formatos preprint e print), além de sua impressão em papel. Com eles pretende-se facilitar o acesso e as opções de leitura, difusão e divulgação. A partir desta perspectiva, os ePub facilitam um formato redimensionável  de código aberto para ler textos e imagens, e em sua última versão também áudio, adaptando-se às diferentes telas e múltiplos dispositivos que permitem a leitura digital: computadores, tablets, telefones, consoles, ou leitores de livros eletrônicos. Os pdf dinâmicos e Issuu, tanto do número completo quanto de cada artigo, oferecem a possibilidade de uma leitura dos distintos textos com uma aparência real e personalizável como se fosse da própria revista. Os artigos  são visualizados através de um navegador web, adotando a aparência de uma publicação impressa, podendo-se ver duas páginas como se as passassem manualmente na própria revista.

EPUB2

Finalmente, a versão antecipada da impressão dos artigos já aceitos, que irão ser publicados, tanto em espanhol como em inglês em formato «Preprint», com seu respectivo DOI, dinamiza a interação e difusão dos textos.

O formato digital propicia que o trabalho dos autores adquiram relevância. Por isso, é importante que os editores das revistas assumam a necessidade de incorporar procedimentos para melhorar e potencializar a apresentação, leitura e difusão dos textos nelas publicados.

Anúncios

Sobre Lilian Ribeiro

Lilian Vieira da Rocha Ribeiro (Universidade de Huelva/Espanha) Doutora em Comunicação (Educomunicação & Media literacy); Mestra em Linguística Aplicada (Univ. de Brasília-Brasil); Licenciada em Letras (Faculdade Castelo Branco); Coordenadora da equipe de tradução espanhol-português da Escola de Autores da Revista Comunicar.
Esse post foi publicado em Sin categoría. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s