Temáticas emergentes. Uma fonte de inspiração para a pesquisa

Autor:   Tradução: Julieti-Sussi Oliveira

tematicas emergentes

Falar de temáticas emergentes e tópicos de pesquisa é falar sobre um dos principais parâmetros que deve-se ter em conta quando se deseja publicar em revistas de alto impacto.

O índice de impacto preocupa aos autores, quando se trata de publicar em revistas melhor posicionadas e portanto, com um índice de impacto mais alto, mas também é uma preocupação das revistas porque esse é o modo como são classificadas e posicionadas em um lugar mais relevante do ranking da área.

O índice de impacto é obtido através de um cociente entre o número de manuscritos publicados nos dois últimos anos e as citações recebidas, das revistas da mesma fonte de indexação nesse período.

Para aumentar as citações, e consequentemente o índice de impacto, as revistas devem selecionar temáticas emergentes, porque são uma fonte direta na hora de conhecer por onde se move a pesquisa em um determinado campo. Ademais, os congressos das distintas áreas, devido ao seu imediatismo, também são um fórum no qual procura-se refletir e aportar dados de pesquisa dos temas que, em um determinado momento, estão mais atuais.

Levando em conta estas considerações este é o motivo porque propomos uma dupla via na hora de procurar quais são os temas emergentes de um campo determinado.

Em primeiro lugar, pode realizar-se uma procura por quais revistas de um campo determinado encontram-se nos quartis Q1 e Q2, tanto da WOS como de SCOPUS. Uma vez feito isso, deveríamos revisar os resumos e as palavras-chaves de todos os artigos publicados nessas revistas nos últimos anos (ainda que possa parecer uma tarefa gigantesca, em realidade não é, além disso resulta relativamente fácil de realizar em pouco tempo). Obviamente, se as revistas necessitam que seus call for papers sejam de máxima atualidade (nas que fazem divisão entre monográfico e miscelânea, também os manuscritos que publicam-se na parte de miscelânea) esta é uma fonte básica na hora de determinar quais são os temas emergentes de um determinado campo científico. Realizar essa tarefa, antes de iniciar processos de investigação, nos permitirá direcioná-los aos temas mais facilmente publicáveis em revistas de alto impacto.

A segunda fonte complementária para localizar temáticas emergentes são os Congressos, tanto nacionais como internacionais, mais importantes nesse campo de especialização. O imediatismo dos congressos e o “estar em dia” que pretende-se com eles, como fonte de intercâmbio e avanço na pesquisa, permite-nos saber através da análise das temáticas e simpósios propostos nos últimos anos, o que é que preocupa como tema de pesquisa em cada área.

A união destas duas estratégias nos permitirá conhecer quais são as temáticas emergentes em nossas áreas de pesquisa e, o fato de conhece-las facilita direcionar nossas próximas pesquisas em temas emergentes da atualidade,  que são as que em um futuro interessaram às revistas de alto impacto nas quais pretendemos publicar os manuscritos que informam de nossos estudos e trabalhos. Preocupa aos autores, quando se trata de publicar em revistas melhor posicionadas e portanto, com um índice de impacto mais alto, mas também é uma preocupação das revistas porque esse é o modo como são classificadas e posicionadas em um lugar mais relevante do ranking da área.

Anúncios

Sobre Lilian Ribeiro

Lilian Vieira da Rocha Ribeiro (Universidade de Huelva/Espanha) Doutoranda em Comunicação; Mestra em Linguística Aplicada (Univ. de Brasília-Brasil); Licenciada em Letras; Coordenadora do blog da Coedição em português da Revista Comunicar e da equipe de tradução espanhol-português da Escola de Autores.
Esse post foi publicado em Sin categoría. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s